sexta-feira, 30 de abril de 2021

Regresso à infância

 

De vez quando faço um regresso
no sonho só para revisitar
aquele sorriso espontâneo
que iluminava os arredores
e que eu me permiti perder
preocupada com os
afazeres adultos

Outras vezes, em outros sonhos
é a infância que me procura
São os aromas da cozinha
os perfumes oriundos do pomar
o cheirinho de lavanda
e o sabor do bolo saindo do forno
embriagando-me o paladar

Pensamento desorganizado
Sonhos alucinados
perfumes adocicados
festas e folguedos na fazenda
ah o meu vestido de renda
E havia sempre uma contenda
Nenhum sapato ou fita 
combinavam com aquela renda

Oh doce infância!
Não me deixes perdida
na passagem do tempo
venha acalentar meus sonhos
Em meu sono quero por instantes
viver as delícias de ser novamente criança



30 comentários:

  1. Que lindo,Gracita!
    Como é bom voltar aos tempinhos da infância, das brincadeiras, das amizades descomplicadas, da liberdade de nada fazer...
    Mas é bom depois, no mesmo voo, voltar ao nosso tempo de hoje, onde tanto ganhamos com família e tudo mais! beijos, lindo fds! chica

    ResponderExcluir
  2. Olá Gracita!
    Que lindo o teu poema era tão bom voltar a ser criança um bjo😘😍

    ResponderExcluir
  3. Gracita infância é uma fase tão boa, adorei o poema muito lindo, bjs
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderExcluir
  4. Quando se retorna à infância na forma poética, acontecem os poemas perfeitos e lindos de ler como o presente aqui "oferecido". Gostei muito.
    .
    Abraço poético
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderExcluir
  5. Aquele sorriso espontâneo...

    Boa tarde de paz, querida amiga Gracita!
    Como é bom vir aqui e ler preciosidades poéticas.

    "... os aromas da cozinha."

    Fiz um bolo hoje de cacau com maçã e canela que perfumou casa inteira e varanda externa que alegrou minha criança interir.
    Devem ter ficado com água na boca os vizinhos.
    ..." ah o meu vestido de renda."
    Usava lindos vestidinhos e até hoje os prefiro. Devem ser resquícios infantis que adoro conservar, amiga.
    "... viver as delícias de ser novamente criança."
    Sempre... Criança não tem maldade, por isso cai, se machuca, com um xerinho se segue destemidamente.
    Lindo momento tive aqui.
    Muito obrigada por alimentar nossa criança interior com a sua. Ambas devem estar brincando de roda...
    Tenha um abençoado final de semana!
    Beijinhos carinhosos e fraternos
    ��������

    ResponderExcluir
  6. lindo lindo desejo tudo de bom saude feliz fim de semana bjs

    ResponderExcluir
  7. Magnífica "viagem" Poética entre dois mundos reais: o da infância e o presente. Como é bom poder trazer o tempo ao tempo!...
    Parabéns, Gracita e o meu agradecimento por esta viagem.


    Beijo
    SOL da Esteva

    ResponderExcluir
  8. Tão gostoso este regresso envolto em poesia!!! Bj

    ResponderExcluir
  9. Poesia deliciosamente saudosista...
    Ainda temos muito das meninas que fomos...
    Que venham tempos melhores e mais felizes.
    Gostei muito de te ler, querida amiga.
    Um domingo e uma semana agradáveis. Beijinhos... Mil.
    ~~~~~

    ResponderExcluir
  10. Linda volta ao tempo de feliz idade Gracita.
    O aroma do bolo, do café puro, da fruta madura.
    Ter vivido, conhecido o sentido de ser feliz.
    E a menina de renda vem lhe dar as mãos e assim,
    um lindo passeio no tempo que faz inspirar e sonhar.
    Lindo sempre querida amiga.
    Beijo e feliz domingo.

    ResponderExcluir
  11. Bella nostalgia amiga, un placer leerte. Saludos.

    ResponderExcluir
  12. Tenho raros sonhos como este, tão idílico e repleto de boas lembranças. Belo poema.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Regressar à infância. Ao tempo do sorriso mais inocente. Que poema lindo, Amiga.
    Uma boa semana com muita saúde.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  14. Oi Gracita! Nossa, lembrar da infância é sempre bom, era um tempo mágico e feliz... Há sempre lembranças desta época que nos marcam muito. Ter tido uma infância feliz é um privilégio! Adorei! 🥰🥰

    ResponderExcluir
  15. Querida Gracita,
    Que belo este seu querer voltar à infância, onde as preocupações eram, os sapatos ou as fitas que não combinavam.
    Pela sua mão voltei também à minha, e senti-me livre, como há muito não sentia.

    Obrigada por este maravilhosa viagem.

    Um beijinho, feliz semana!

    ResponderExcluir
  16. Olá Gracita
    A sua poética levou-me a fazer uma viagem no túnel das minhas memórias
    E lembranças agradabilíssimas afloram na mente
    Grata por esse momento tão lindo e especial
    Beijos no core minha amiga

    ResponderExcluir
  17. Que lindo esse regresso à infância
    Me vi menina outra vez desfrutando da liberdade descompromissada
    Abracinhos

    ResponderExcluir
  18. Mágico este chamamento numa espécie de grito que dé tão desejado, nos exaspera .
    Perfumes e cores e sabores que nos acompanham na solidão mais íngreme do dia
    Lindíssima poesia, querida Gracitá

    ResponderExcluir
  19. Boa noite Gracita!
    É muito bom fazer essa viagem a infância.
    Obrigada por me fazer reviver esse tempo cheio de magia.
    Brilhante seu poema!
    Uma boa semana de maio pra ti!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Gosto muito do poema, mas não sei se gostaria de regressar ao tempo passado...


    Beijinho, querida, bom Maio!

    ResponderExcluir
  21. Lindo, mas amo minha vida agora, jamais voltaria.
    Bom mesmo são as recordações!

    bj

    ResponderExcluir
  22. Viajei no tempo e voltei ã minha infância, querida Gracita.
    Tenho saudades!
    Linda a sua poesia!
    Um beijinho carinhoso
    Verena.

    ResponderExcluir
  23. Um poema muito bonito, mas eu não gostaria de regressar à infância.
    Abraço e saúde

    ResponderExcluir
  24. Olá, querida Gracita!

    Espero que você esteja bem, tal como seus filhos(as) e netos(as). Já tomou a 1ª dose da vacina? Se sim, quero que tudo tenha corrido bem. Eu já levei a 1ª, há alguns dias e me sinto bem, por enqto.

    Que poesia dourada! Quem nos dera poder voltar à infância com todos aqueles cheiro, mimos e brincadeiras, que só ela tem.

    A vida adulta é complicada e passamos a vida preocupadas(os) e pensando no presente que é ruim e no futuro k nem sabemos se chegará.

    A imagem está uma delícia. Parabéns!

    Beijos e saúde.

    ResponderExcluir
  25. ~~~
    L I N D O !

    Passei para verificar se havia novidades...
    Bom fim de semana. Beijinhos e abracinhos... Muitos!
    ~~~~~

    ResponderExcluir
  26. Essa volta à infância traz lembranças doces e aquece-nos o coração
    Lindo poetar amiga
    Abraços

    ResponderExcluir
  27. Boa noite Gracita,
    Um lindo poema, encantador, eu também ultimamente tenho me lembrado da minha infância e juventude, acredito que é uma coisa boa pois nos reconecta com as nossas origens.
    Beijos, Sueli

    ResponderExcluir

A sua amizade e presença são os alicerces que sustentam esse cantinho. Seja Feliz aqui! Volte sempre que o seu coração sentir saudades. Um beijo com afeto, Gracita.