domingo, 24 de abril de 2016

Os apuros de Manoelita

Manoelita vivia numa casinha minúscula no alto da montanha. Ela dedicava aos animais um amor especial. E vivia se condoendo pela triste situação em que eles viviam. Não tinham casa para se abrigar das intempéries da natureza. E foi pensando nesse desconforto que ela foi recolhendo-os e abrigou-os na sua sua casinha diminuta. Manoelita amava ler. E todas as noites reunia os amiguinhos em volta da casa e lia para eles suas histórias horripilantes pois tinha um fascínio imenso por histórias macabras. E sua personagem favorita era a bruxa. Lia, inventava, criava e recriava e o seu maior prazer era desafiar a intencionalidade do escritor. Até que numa noite ela resolveu fazer a poção mágica que a bruxa da história usava para perseguir os seus desafetos. Mas... na vida real as coisas são bem diferentes. Mexeu... remexeu... falou as palavras mágicas e cabrum! Lá se foi Manoelita pelo espaço. E olhe que voava sem asas. Manoelita gritava desesperada mas ninguém a ouvia. Depois de muitos voos e sobrevoos Manoelita avista um ponto luminoso no céu. Deliciada com aquela visão brilhante ela dá um longo suspiro e se aproxima da lua. Exausta não espera convite. Ajeita-se com o cobertor de estrelas e cai num sono profundo. Seus amiguinhos tentam reverter a poção para trazer Manoelita de volta. Depois de várias tentativas eles conseguem criar uma longa escada que ligava a pequenina casa à lua. E como Manoelita não conseguia sair  daquele sono profundo o jeito era esperar que o encantamento passasse e a amiguinha pudesse descer pelos degraus de luz. E muitas luas se passaram. A bruxa já cansada daquela monotonia desfez o feitiço. Manoelita esfregou os olhinhos e quando percebeu onde estava chorou de medo e tensão. Olhando para baixo viu a escada e sem pensar desceu rapidamente os degraus sem saber para onde aquela escada a levaria. Em instantes ela avistou sua casinha e da janelinha seus amiguinhos acenavam aflitos. A alegria foi geral. E para sua surpresa surgiu de cima do telhado a bruxinha Zenilda e seu fiel escudeiro o gato Gregório. Um susto e Manoelita cai desmaiada. A sua mania de inventar histórias deu vida à sua personagem favorita. As horas passam. O sol entra pela janela. Manoelita sorri. Que bom que tudo isso foi apenas um sonho.

25 comentários:

  1. Fantástico! Adorei *.*

    r: Verdade.
    Muito obrigada!

    Beijinhos*

    ResponderExcluir
  2. Gracita, que conto tão lindo e cheio de encanto!
    Eu adoro ler e adoro animais!
    Beijinhos e bom domingo :)

    ResponderExcluir
  3. Que graça de conto Gracita!
    Ainda bem que foi somente um sonho de Manoelita.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  4. Gracita gostei muito da história da Manoelita, que bom que foi apenas um sonho, Gracita bjs.

    ResponderExcluir
  5. Que lindo! Adoro tuas inspirações, Gracita! Essa mais uma linda!@ bjs, chica

    ResponderExcluir
  6. Amei o conto!!

    Beijinhos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  7. Escrever para crianças não é tarefa fácil, parabéns! Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  8. Bonito conto!
    Tenha um ótimo dia Gracita.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  9. Um encanto, Gracita, fiquei presa na história. Muito bom ter lido, alivia as tensões, esse momento que estamos passando. Um contraste brutal!!!
    Parabéns.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  10. Que carinho esse seu conto Gracita, de uma humildade encantadora, a vida na sua simplicidade é linda quando carregamos dentro dela amor
    Adorei esse conto, nos faz pensar em valores que a vida nos oferece

    Beijos
    Rafael

    ResponderExcluir
  11. Fantástico!Sublime

    http://quadrasepensamentos.blogspot.pt/

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Quanta doçura e sensibilidade neste conto maravilhoso
    Esta história vai deixar os pequenos deslumbrados Gracita
    Um abraço

    ResponderExcluir
  13. Ahhhh... um sonho!!! rsrs.
    Que lindo, Gracita! Parabéns, me apaixonei e me identifiquei com Manoelita. Que delícia ter uma casinha lotade de bichinhos e que bom poder dormir uma noite na lua, coberta de estrelas!
    Se não fosse apenas um sonho, ela poderia ir e vir todas as noites, sempre levando um bichinho com ela...
    Adorei!

    Abraços esmagadores e feliz semana.

    ResponderExcluir
  14. Hi! Very interesting story! Thanks for sharing.

    ResponderExcluir
  15. Gracita, cheguei aqui pelo convite da Rosélia. Linda demais tua historinha, posso levar para o blog com os créditos? Olha só, tinha sumido dos teus seguidores, talvez suma de novo, é o google que anda me sacaneando,rsrs bjs

    http://virtudesaqui.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Vindo do blog Interação Fraterna da amiga Rosélia,li seu congo e achei lindo encantador. Um abraço
    Élys.

    ResponderExcluir
  17. que bonita história,é bom inventar ou contar velhas histórias adorei,vim porque a amiga Rosélia ou RÔ como delicadamente a chamo, um forte abraço.

    ResponderExcluir
  18. AMADA AMIGA GRACITA
    QUE CONTO MARAVILHOSO E DE UMA SIMPLICIDADE INTENSA QUE NOS DEIXA MARAVILHADOS.
    AMEI DEMAIS ESSE CONTO, DEVE SER GOSTOSO CONTÁ-LO AOS PEQUENINOS QUE IRÃO SABOREAR CADA FRASE COMO UM CONTO DE FADAS!
    UMA SEMANA MUITO ABENÇOADA DOCE AMIGA!
    BEIJOS CARINHOSOS!

    ResponderExcluir
  19. Mágico o conto, amei.

    Bjs

    Tânia Camargo

    ResponderExcluir
  20. lindo conto mas que adorei parabens bjkas

    ResponderExcluir
  21. Conto de encantar. Sabe bem sentir essa juventude criativa.



    Beijo
    SOL

    ResponderExcluir
  22. Olá Gracita!
    Encantador conto! Fiquei maravilhada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Bom dia amiga que belo conto sempre arrasando amei
    Canal: https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Um conto tão bonito, Gracita!...
    Adorei!!!! Tem que fazer mais vezes!... Faz tempo, que não tinha ocasião de apreciar nenhum, por aqui!...
    Beijinhos! Bom fim de semana!
    Ana

    ResponderExcluir
  25. Uma história verdadeiramente encantadora,gostei imenso!!

    ResponderExcluir

A sua amizade e presença são os alicerces que sustentam esse cantinho. Seja Feliz aqui! Volte sempre que o seu coração sentir saudades. Um beijo com afeto, Gracita.