sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Vestida de poesia

Viajando nas linhas tênues da imaginação
perpassei uma miríade de estrelas cintilantes
conheci a dourada vivenda do cometa
e pernoitei numa rede tecida com fios de luar

Nessa intensa e maravilhosa romaria
fui orientada pelo voo diáfano das borboletas
serpenteando os caminhos da fantasia
vesti-me com o glamour da poesia

Rabisquei versos etéreos na dourada casa do sol
No hall de saída toda encolhida estava a estrofe
vigiava os trovadores do suave acalanto
para em si menor escreverem uma partitura
que seria musicada pela musa vestida de poesia
(Gracita)

20 comentários:

  1. A Gracita é a nossa musa da poesia e eu gostei de ler mais um interessante poema!!! Bj

    ResponderExcluir
  2. Tu sempre estás vestida assim! Linda mais essa poesia,Gracita! beijos, ótimo fds! chica

    ResponderExcluir
  3. Gracita este poema é você personificada em versos pois estás sempre vestida de poesia
    Beijinhos no core

    ResponderExcluir
  4. Você se veste de poesia, transforma palavras em fantasia e exala poesia
    Tu és a musa do lirismo minha amiga. Belíssimo poema
    Beijokinhas

    ResponderExcluir
  5. Querida amiga,viajamos em seu poema repleto de doçura em palavras e que reflete toda a poesia que há em você.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia, querida amiga Gracita!
      Você é mesmo essa musa vestida de poesia... é bem você sem tirar nem pôr.
      Tenha dias venturosos e aconchegantes!
      Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

      Excluir
  7. Boa tarde, Gracita!
    Poema soberbo! Um esmero mesmo. Amei!

    A chuva invade-me a alma
    Beijos e um excelente fim de semana.

    ResponderExcluir
  8. Que final tão feliz para esta linda Poesia
    "para em si menor escreverem uma partitura
    que seria musicada pela musa vestida de poesia"
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Sempre tão inspirada esta nossa amiga poetisa. Gostei muito de ler o poema.
    Bjn
    Márcia

    ResponderExcluir
  10. Os meus aplausos à minha Poetiza favorita. Com todo o respeito que tenho pelos outros. Adorei a sua poesia:))

    Do nosso amigo Gil António, com Teu olhar ... me seduz

    Bjos
    Votos de uma óptima noite.

    ResponderExcluir
  11. Sempre com poemas maravilhosos!

    Beijinhos*

    ResponderExcluir
  12. que lindo Gracita !!
    esta é de verdade sua vestimenta , das mais nobres !!
    grande abraço.
    :o)

    ResponderExcluir
  13. muito lindo gracita, um poema que fala sobre poema. Parabéns!!!
    www.verdeveggie.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. O vestido da tua Poesia
    Tem graça, Amor e fantasia.

    Muito lindo


    Beijo
    SOL

    ResponderExcluir
  15. Poesia fantástica encantadora!
    Brilham cores, imagens e movimento com a animação
    de seres celestes e da estrofe...
    Uma poesia maravilhosa num doce descanso mental!
    Relaxante, Amiga. Gostei...
    Bom domingo.
    Abraço carinhoso.
    ~~~~

    ResponderExcluir
  16. Brilhantissimo poema! Adorei.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  17. Linda poesia como um real canto para a própria poesia,
    que você sempre veste com as mais finas roupagens e assim
    elas bailam pelos corações dos amantes da poesia, das emoções mais lindas.
    Esta é a sua poesia Gracita.
    Show de construção.
    Beijos amiga querida.

    ResponderExcluir
  18. Que linda inspiração, Gracita! Com cada palavra, transmitindo encanto, beleza e serenidade...
    Um encantador momento poético, que adorei apreciar!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir

A sua amizade e presença são os alicerces que sustentam esse cantinho. Seja Feliz aqui! Volte sempre que o seu coração sentir saudades. Um beijo com afeto, Gracita.